Novo Alvodireto.com rede social de anuncios, seu conteúdo nos buscadores da internet. Cadastre-se e poste anuncios, fotos, artigos e qualquer conteúdo para aumentar sua presença online e apareça no Google, Bing e Yahoo

Categorias

CVM multa corretora Walpires em R$ 18 milhões por operações irregulares de contratos futuros de índice
Colocado por: 2019-10-09 14:13:00
Registre-se aqui e deixe seu comentario nessa noticia.

© Reuters.  © Reuters.

Arena do Pavini - A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) multou em R$ 18,240 milhões a corretora Walpires por criação artificial de preços em contratos futuros. O valor equivale ao triplo do ganho obtido pela empresa em operações irregulares. Além disso, a empresa recebeu outra multa de R$ 250 mil por não fiscalizar a atividade dos seus agentes autônomos. Foram condenados ainda a Agropastoril Sucuri a pagar multa de R$ 3,275 milhões e a W Pires Comércio Administração e Participações em R$ 589,5 mil.

Também foram multados Sidney Ferreira Pires em R$ 624 mil, Armando de Oliveira Pires Filho, R$ 582 mil, Luiz Antonio Pires, R$ 83,9 mil, Vera Lúcia Ferreira, R$ 16,9 mil, Roberto Luiz Giannotti, R$ 29 mil, Sady Chafick Zraick, R$ 78,5mil, Paulo Roberto Pontini Filho, R$ 17,8 mil, Antonio José Bauer, R$ 21,6 mil, Luiz Alvez Correira, R$ 28,8 mil, Willy Martin Goossens, R$ 223,5 mil, Luiz Otávio Dias Galvão, R$ 89,4 mil, Octávio Ferraro Genu, R$ 202 mil, Marcelo Xavier Rodrigues, R$ 31,778 mil, Ricardo Cerretti, R$ 206,8 mil, Marcelo Carvalho Gama, R$ 100 mil e Nei Messias dos Santos, R$ 100 mil.

Também Sueli Ferreira Pires, diretora da corretora Walpires, foi condenada a pagar multa de R$ 400 mil, Júlio César Branco Sette, R$ 406,335 mil e Paulo Carlos Giannotti, multa de R$ 38,426 mil, que foi também proibido de atuar no mercado por 3 anos. Já a CW7 Agentes Autônomos foi multada em R$ 400 mil por ter delegado a execução dos serviços previamente contratados pela Walpires a pessoas que não possuíam autorização da CVM para atuar como agentes autônomos.

As operações ocorreram entre 4 de julho de 2007 e 31 de maio de 2009, envolvendo contratos e minicontratos de futuro. Segundo a CVM, a Walpires registrava as operações somente depois de executadas e escolhia quem ficava só com as lucrativas. As operações eram feitas contra a carteira própria da Walpires, que ficava com o prejuízo. A conclusão da CVM foi de que as operações tiveram como objetivo transferir recursos da corretora Walpires para a Agropastoril, também da família.

O post CVM multa corretora Walpires em R$ 18 milhões por operações irregulares de contratos futuros de índice apareceu primeiro em Arena do Pavini.

Por Arena do Pavini

Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.


Compartilhe essa noticia.


  • 0 comentário(s)
Registre-se aqui e deixe seu comentario nessa noticia.

Seja o primeiro a gostar