Novo Alvodireto.com rede social de anuncios, seu conteúdo nos buscadores da internet. Cadastre-se e poste anuncios, fotos, artigos e qualquer conteúdo para aumentar sua presença online e apareça no Google, Bing e Yahoo

Categorias

Mano pede "basta" após caso de agressão a esposa de jogador
Colocado por: 2019-10-25 16:23:22
Registre-se aqui e deixe seu comentario nessa noticia.

Está nas mãos da diretoria o tratamento do caso da agressão sofrida por Bhel Dietrich, esposa de Bruno Henrique, após o empate diante do Athletico-PR, em Curitiba, no domingo. Quem informa é Mano Menezes, pedindo um basta em situações como a ocorrida envolvendo torcedores do Palmeiras e acreditando que os dirigentes saberão lidar com a questão envolvendo o capitão.

Bhel Dietrich, esposa do Bruno Henrique

Bhel Dietrich, esposa do Bruno Henrique

Foto: Reprodução / LANCE!

"Questão pessoal é do clube. Penso que vai além do técnico essa questão do Bruno e o problema com a esposa. O clube está tratando essa questão pessoalmente com o Bruno, as coisas serão bem encaminhadas", disse Mano, nesta sexta-feira, sendo o único a falar abertamente sobre o caso na semana, já que o clube somente se posicionou com uma nota oficial, na segunda-feira.

A agressão ocorreu enquanto Bhel Dietrich deixava a Arena da Baixada ao lado de familiares - tanto ela quanto Bruno Henrique são paranaenses. O meio-campista não se posicionou publicamente sobre o caso, e Mano não se estendeu ao ser questionado sobre um possível desconforto do jogador em continuar no clube, preferindo pedir limites na relação entre time e torcida.

"Lamentável conviver com isso no futebol. Temos de dar um basta, as coisas precisam ter um limite, e isso vale para todos: de nós para os torcedores e dos torcedores para nós. Você pode estar desgostoso e um monte de coisa, mas até aqui. Temos de retomar a civilidade na relação com o futebol, as coisas não podem ir além do que já foram", falou o treinador.

Bruno Henrique vem treinando como titular e deve ser confirmado na equipe que enfrenta o Avaí, no domingo, em Santa Catarina. O volante está pendurado, assim como Lucas Lima e Carlos Eduardo, que também devem iniciar a partida - Antônio Carlos, reserva na zaga, completa a lista. Quem deles tomar cartão ficará fora do clássico contra o São Paulo, na quarta-feira, no Allianz Parque. Situação, porém, que não faz Mano cogitar poupar alguém.

"Não pensei em poupar nenhum jogador. Às vezes, você começa a se preocupar com o jogo seguinte e não faz bem o jogo que precisa jogar. É possível controlar determinadas situações que podem ser evitadas, mas outras, não. Há necessidade de uma falta importante e tem de fazer porque, se não fizer, toma gol e deixa escapar uma vitória, sem a segurança de que a vitória virá na partida seguinte", justificou.

Esposa de Bruno Henrique foi agredida por torcedores após o jogo do último domingo (Agência Palmeiras/Divulgação)

Esposa de Bruno Henrique foi agredida por torcedores após o jogo do último domingo (Agência Palmeiras/Divulgação)

Foto: LANCE!

 

Lance!
  • separator

Compartilhe essa noticia.


  • 0 comentário(s)
Registre-se aqui e deixe seu comentario nessa noticia.

Seja o primeiro a gostar