Categorias

Fonte: Motor 1

Seleção Motor1.com 2019: VW Jetta GLI vence categoria de R$ 120 mil a R$ 150 mil
Colocado por: 2019-07-11 12:09:50
Registre-se aqui e deixe seu comentario nessa noticia.

Com amplo domínio dos SUVs no mercado, esta categoria foi surpreendida pela boa relação custo-benefício do recém-lançado VW Jetta GLI, que chegou mais barato que o irmão Golf GTI e mais equipado, compartilhando do mesmo conjunto mecânico. Já o campeão do ano passado desta vez caiu para a segunda posição, como primeiro dos SUVs, e foi seguido por mais um sedã. Confira:

1) VW Jetta GLI: R$ 144.990

Revisões: Inclusas na compra do carro

Desvalorização: N.A.

Seguro: R$ 6.700,00

Cesta de peças: R$ 9.984,46

Volkswagen Jetta GLI - Teste BR

Se as versões convencionais do Jetta perderam o apelo esportivo que seu público apreciava, a versão GLI chegou para não deixar ninguém com saudade. Ela traz o mesmo motor 2.0 TSI (230 cv e 35,7 kgfm) e câmbio (DSG de 6 marchas), do Golf GTI, com a vantagem do porta-malas de 510 litros e de uma lista de equipamentos mais completa - por um preço menor. O Jetta esportivo acelerou de 0 a 100 km/h em 6,4 segundos em nosso teste e ainda trouxe diferenciais como a suspensão enrijecida (traseira multilink) e o painel digital configurável, além das rodas aro 18". O pacote de itens de série é bem completo e já inclui piloto automático adaptativo, multimídia de 8", sistema de som Beats e frenagem automática de emergência. O único opcional é o teto-solar, por R$ 4.990. O seguro é salgado, mas as três primeiras revisões são gratuitas. 

2) VW Tiguan AllSpace: R$ 129.990

Revisões: Inclusas na compra do carro

Desvalorização: 9,6%

Seguro: R$ 5.900,00

Cesta de peças: R$ 16.325,51

tiguan-allspace-250tsi

A versão de entrada do Tiguan continua bem posicionada, abaixo dos R$ 130 mil - quase o mesmo que um T-Cross completo. Tem a vantagem de ser o único flex entre os nossos finalistas, trazendo o mesmo motor 1.4 TSI (150 cv e 25,5 kgfm) do Jetta e do T-Cross, porém ligado ao câmbio de dupla embreagem DSG de 6 marchas (mais rápido e eficiente que o Tiptronic). Já vem de série com ar digital de três zonas, multimídia de 8" e sensores de estacionamento dianteiros e traseiros, embora os bancos sejam de tecido - o único opcional é o teto-solar, de R$ 4.990. As três primeiras revisões são gratuitas e a desvalorização é baixa, mas a cesta de peças é bem cara. 

 

3) Honda Civic Touring: R$ 128.900

Revisões: R$ 1.309,94

Desvalorização: 14,0%

Seguro: R$ 5.700,00

Cesta de peças: R$ 6.970,94

Honda Civic Touring 2019

Quando foi lançado, em 2017, o Civic Touring ficou com a pecha de ser caro demais. Mas o tempo passou e ele quase não subiu de preço, enquanto os rivais (diretos e indiretos) foram ficando cada vez mais salgados. Acabou que o Touring se tornou uma opção interessante em sua faixa de valor, trazendo o motor 1.5 turbo (173 cv e 22,4 kgfm) que lhe garante ótimo desempenho aliado a equipamentos exclusivos na gama Civic, como teto solar, banco do motorista com ajuste elétrico, faróis Full-LED e câmera no retrovisor externo que mostra a imagem ao se dar a seta correspondente. Além disso, seus custos são baixos se comparados aos dos VW acima, sem falar que o pós-venda da Honda foi mais bem-avaliado que o da marca alemã pela J.D. Power.    

Dica: Fiat Toro Endurance 4x4 - R$ 129.990

Fiat Toro 2020

A linha 2020 da Toro chegou com novidades. Além de uma leve alteração no desenho do para-choque dianteiro, que agora incorporou uma espécie de quebra-mato plástico, a picape ganhou uma versão de entrada Endurance já equipada com o motor 2.0 turbodiesel (170 cv e 35,7 kgfm) em conjunto com o câmbio automático de 9 marchas e a tração 4x4. Desta forma, ela se torna a picape a diesel com tração integral mais barata do mercado. Mas para isso ela vem "pelada" - até mesmo o sistema de som é opcional.  

Fotos: divulgação e arquivo Motor1.com


Compartilhe essa noticia.


  • 0 comentário(s)
Registre-se aqui e deixe seu comentario nessa noticia.

Seja o primeiro a gostar